«« voltar

Aprender a viver com Asma

Diário de Coimbra, 1 de Junho de 2017

No passado mês de Maio, mais concretamente no dia 2, comemorou-se  o Dia Mundial da Asma, importante acontecimento anualmente organizado pela "Global Initiative for Asthma" - GINA, e que este ano teve como tema: "Melhor ar, melhor respiração". Salienta-se também o aparecimento de campanhas de comunicação "Que a Asma não te Pare" e "Vencer a Asma" dirigidas aos doentes, profissionais de saúde, ao público em geral, e com a mesma finalidade. Com esta comemoração pretende-se chamar a atenção para esta doença crónica, que em todo o mundo afecta cerca de 300 milhões de pessoas. Em Portugal estima-se que cerca de 700.000 pessoas adultas tenham asma activa, e na criança o número ronda os 175.000 o que significa que é uma das principais doenças crónicas da criança. Constata-se no entanto que cerca de metade dos asmáticos não tem a doença devidamente controlada, geralmente por utilização errada dos medicamentos/inaladores, ou por não adesão ao tratamento, ou ainda por percepção errada do estado de controlo da doença. Quando a asma não está devidamente controlada, verifica-se uma diminuição da qualidade de vida do doente, com faltas ao trabalho e à escola, mais consultas médicas, idas frequentes às urgências e mais internamentos hospitalares.

O bom exemplo de Rosa Mota

Os doentes asmáticos devem assim fazer um esforço para manter controlada a sua asma, sendo aconselhado efectuar uma avaliação regular e periódica para poder ajustar a sua terapêutica. Uma vez controlada a asma, os doentes podem ter uma vida mais normal, sem perda de qualidade de vida e sem limitações, situação esta vivida na prática com o bom exemplo da Rosa Mota que sendo asmática, tem conseguido controlar esta doença com um êxito tal, que conseguiu ganhar várias medalhas de ouro no atletismo, com especial relevo para a medalha de ouro na maratona dos Jogos Olímpicos de Seul em 1988. A este propósito, gostaria de agradecer publicamente todo empenho que Rosa Mota tem dado nas campanhas de sensibilização dos doentes asmáticos para a importância do controlo desta doença.


Diário de Coimbra, 1 de Junho de 2017
João Rui Gaspar de Almeida
Presidente da Delegação de Coimbra da Fundação Portuguesa do Pulmão.

PATROCINADORES